Perfil: Emílio Santiago

Perfil

Intérprete de grandes sucessos, Emílio Santiago iniciou sua carreira em 1970, quando ainda era estudante de Direito. Com o sucesso no programa A grande chance, de Flávio Cavalcanti, o Brasil perdeu um advogado, mas ganhou um cantor de primeira.

De lá para cá, Emílio Santiago marcou presença em festivais – como o MPB Shell, em 1982, quando foi o vencedor, interpretando Pelo amor de Deus, de Paulo Debétio e Paulinho Resende, e em 1985, com o Festival dos Festivais, da TV Globo, recebendo o título de melhor intérprete com canção Elis, Elis. Sua carreira teve um novo marco a partir de 1988, com a série Aquarela Brasileira, da Som Livre, que durante seis anos marcou a música popular brasileira com a regravação de sucessos, sambas-enredo e e também apresentando ao público canções inesquecíveis, como Verdade Chinesa, em 1990.

Em 2008, Emílio Santiago foi um dos destaques no show Bossa Nova 50 anos, e recebeu o Prêmio Tim de Música, nas categorias Melhor Cantor/MPB e Melhor Disco/MPB, com o CD De um jeito diferente, lançado no ano anterior pela Indie Records. Em 2009, lançou seu site oficial e, logo em seguida, já em 2010, estreou o selo Santiago Music, com o CD Só danço samba. Seu último álbum foi Só danço samba ao vivo, de 2011.

Emílio Santiago partiu aos 66 anos, em 20 de março de 2013, em decorrência de complicações de um acidente vascular cerebral.

Assista ao clip de Tudo que se quer, um grande sucesso na voz de Emilio Santiago e Verônica Sabino, lançado em 1989 na trilha sonora da novela Tieta:

Deixe uma resposta